As mioclonias são movimentos súbitos, involuntários de um músculo ou grupamentos musculares. Os espasmos mioclônicos podem afetar a maioria dos músculos simultaneamente, como ocorre comumente quando um indivíduo adormece.

As formas mais simples de mioclonias são observadas em pessoas sadias e normalmente não causam grandes consequências. Por exemplo as mioclonias de início de sono. Esses espasmos também podem ser limitados a uma mão, a um grupo muscular do braço ou da perna ou mesmo a um grupo de músculos faciais.

Causas

Mioclonias podem resultar de muitas causas: reação a uma infecção, lesão na cabeça ou na medula espinhal, tumores cerebrais, falha renal ou hepática, envenenamento químico ou por drogas, etc. Os movimentos mioclônicos podem ocorrer em pacientes com Esclerose Múltipla, Mal de Parkinson, Mal de Alzheimer. É comum ocorrerem em pessoas com Epilepsia, um transtorno em que a atividade cerebral se altera, causando convulsões. 

Diagnóstico

O Neurologista é o especialista médico indicado em sua detecção. O diagnóstico terá como base o histórico médico, sinais e sintomas do paciente.

Exames Neurofisiológicos como Eletroneuromiografia, Eletroencefalograma, Potenciais Evocados , exames de sangue e Neuroimagem  ajudam no Diagnóstico Diferencial das Mioclonias.

Tratamento

Depende da identificação da Causa Base da Mioclonia. Substancias como Benzodiazepínicos e Gabaérgicos são os mais utilizados.

 

Fale Conosco

(61)3242-3060 | (61)3244-5452

(61)98229-3818 | (61)3443-1866

na.neurociencia@gmail.com

SEPS 709/909 Bloco A Sala 226

Centro Médico Júlio Adnet

Marque sua Consulta